Sobre O ISTMO

A plataforma O ISTMO:  uma rede de centro-americanistas para informação, opinião e análise sobre a América Central

O Istmo é uma rede coordenada por colaboradores acadêmicos internacionais para intercâmbios de produção intelectual e pesquisa de temas sóciopolíticos, econômicos e culturais centro-americanos, que utiliza a plataforma online (www.oistmo.com) para a produção e difusão de análises bilíngues sobre a América Central. A Rede também é caracterizada pela preocupação sobre a ordem/desordem política da região para além do viés acadêmico. Desta forma, está aberta para constante articulação com colaboradores externos.

Faz-se assim uma ação pioneira na universidade brasileira ao se instituir um espaço de informação, de opinião, de discussão e de reflexão específicas de temas regionais centro-americanos, que se espera possa contribuir para a comunicação e para o intercâmbio acadêmico-cientifico com organizações e instituições do Brasil e de outras partes do mundo com interesses semelhantes, principalmente as da própria região centro-americana. Dessa forma tem-se como finalidade estudar e aprofundar o conhecimento e a análise das estruturas e problemas sociopolíticos, dos povos, das expressões culturais, das identidades, da inserção internacional e do desenvolvimento das sociedades que conformam o espaço humano e político da América Central.

 

Objetivo

O Istmo pretende-se uma plataforma de informação e de análise de temas multidisciplinares centro-americanos, com foco nas questões sociopolíticas, que promova leituras, debates, produção de conhecimento, intercâmbio acadêmico e formação de uma rede de especialistas e de interessados na região e suas temáticas para conformar um hub de opinião especializada sobre o que se entende como América Central.

 

Metas

– Proporcionar aos/as leitores/as e participantes informação e familiaridade com a literatura que trata da história, da cultura, da estrutura social e da organização e luta política da América Central;

– Informar e analisar estudos de uma variedade de problemas centro-americanos tais como migrações e diáspora, violência, narcotráfico e crime organizado, movimentos revolucionários, memória histórica e identidades, mega-projetos de desenvolvimento e exclusão social, urbanização e espaço urbano, relações internacionais e cooperação sul-sul, integração regional;

– Conformar uma rede de opinião especializada em temas centro-americanos para dar visibilidade aos problemas, debates e tópicos sociopolíticos da região e que possa intercambiar informações e fazer-se potencialmente apta a propor atividades acadêmicas e projetos de pesquisa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s